IMG 4668 2

No último domingo no Sport Club Mackenzie, o time Máster +35 da casa recebeu o Anchieta Fears e conseguiu uma boa vitória por 58-52. A partida foi muito estudada desde o começo, com as duas equipes usando bastante o seu trabalho no low post para pontuar. Porém, o diferencial para a equipe do Méier vencer foi justamente a sua defesa. Na segunda etapa, o time se compactou melhor e foi eficiente no ataque.

No final, o cestrinha do jogo foi o Nelson Salema com 15 pontos. Veja alguns lances.

Published in Master

Maxx

Por Eric Miranda.

Na manhã de domingo, no Sport Club Mackenzie, Maxx e Mackenzie deram início as oitavas de final do Estadual amador 2018. Ambas as equipes vinham de duas vitórias nas últimas rodadas da temporada regular, além de terem se classificado no meio da tabela – Mackenzie em 4º no grupo A e Maxx em 5º no grupo B – o que projetou um confronto com bastante equilíbrio.

A partida começou com alguns erros dos dois lados da quadra. A equipe do Mackenzie conseguiu se organizar melhor e abriu quatro pontos já na metade do primeiro quarto. Com pouco mais de quatro minutos no relógio, o Maxx fez uma corrida de 5-0 e conseguiu fechar o primeiro quarto na frente por apenas um ponto.

Com duas bolas de três seguidas do jogador Ravi, o Maxx confirmou o bom momento no segundo quarto, ao forçar a equipe do Mackenzie a cometer muitos erros no ataque e não pontuar por mais de quatro minutos. O Maxx chegou a abrir oito pontos no placar, mas deixou o Mackenzie crescer na partida e recuperar o prejuízo do início do quarto.

A segunda metade da partida começou com o Maxx liderando o placar novamente, com oito pontos de vantagem. Mas não soube administrar o resultado, ao repetir os mesmos erros que fizeram o adversário encostar no placar nos outros dois quartos. Já o Mackenzie conseguiu ajustar os problemas defensivos que estava tendo durante o jogo, além de contar com a mão calibrada do jogador Gutemberg, que contribuiu com 11 pontos no terceiro quarto.

No último quarto o equilíbrio voltou a predominar, com trocas constantes na liderança do placar. As duas equipes aplicaram um ritmo mais forte, com transição ofensiva rápida. Em certo momento do jogo o Maxx chegou a fazer uma pressão na saída de bola do Mackenzie, o que forçou alguns erros do Mackenzie e cestas fáceis para a equipe do Maxx. As bolas de três predominaram dos dois lados da quadra, com ambos os times com um bom aproveitamento. Com pouco mais de dois minutos para o fim, o placar estava empate em 56 pontos e assim permaneceu. 

Na prorrogação, o Mackenzie conseguiu manter a pegada que teve para se recuperar no jogo e garantiu 1-0 na série melhor de 3 jogos. 

Published in Estadual

IMG 20180808 WA0050

Por Eric Miranda.

Na manhã do último domingo (05/08), no ginásio do Sport Club Mackenzie, a equipe do JTC visitou o Mackenzie e saiu de quadra derrotada. A equipe do Méier vinha de uma grande vitória na semana passada e deu continuidade ao bom basquete da última partida, ao apostar na experiência de seu elenco para conquistar a vitória. Já o JTC procurou jogar em transição rápida durante boa parte do jogo, por conta do elenco mais jovem que possuem, mas que não foi suficiente para superarem a equipe da casa. Destaque para o jogador do Mackenzie Rafael Alves que saiu de quadra mais uma vez com um duplo-duplo: 23 pontos e 11 rebotes.

Published in Estadual

kobras mackenzie

Por Erick Miranda

No último domingo no Sport Club Mackenzie, a equipe do Kobras visitou os donos da casa Mackenzie e foi surpreendida com uma partida equilibrada até o final, que resultou em derrota para o time de Cabo Frio por 74-67. Destaque para o armador do Mackenzie Rafael Alves, com 37 pontos e 17 rebotes.

Com um certo favoritismo, o Kobras iniciou melhor a partida ao apostar nas bolas no perímetro. Principalmente das mãos do armador Thiaguinho. Já o Mackenzie encontrou dificuldades para pontuar no começo do jogo, com alguns arremessos precipitados e pouca criatividade, fruto da boa defesa em zona da equipe do Kobras, que só permitiu 10 pontos ao adversário no primeiro quarto.

O panorama do jogo apenas mudou na metade do segundo quarto, quando o Mackenzie conseguiu impor uma nova postura defensiva, sendo agressivo, especialmente nas bolas de três da equipe do Kobras, fator que decidia o jogo até então.

Após o intervalo, o Mackenzie voltou melhor para a segunda etapa. Tendo a mesma atitude defensiva que teve no segundo quarto, uma rápida transição ofensiva e a mão calibrada do armador Rafael, a equipe do Méier passou na liderança do placar já nos últimos minutos do período. Pelo lado do Kobras, o problema físico do pivô Guilherme De Medeiros, com dores no cotovelo desde o começo da partida, dificultou a produção ofensiva da equipe. Que já não tinha o mesmo desempenho do início  e não contava com uma rotação muito grande. Vale ressaltar, que mesmo sem estar em suas condições ideais de jogo, De Medeiros liderou o Kobras em duas estatísticas, com 17 pontos e 14 rebotes.

O jogo foi para o último quarto em aberto, com o Mackenzie na frente por apenas seis pontos. O Kobras ensaiou uma reação ao anotar uma corrida de 10-0 no começo do quarto, mas não foi suficiente para levar o jogo. Decisivo nas bolas de três pontos, Rafael Alves assegurou uma importante vitória para o Mackenzie, que busca uma consistência maior na competição.

Published in Estadual

mac

Na tarde de domingo no Grajaú Tênis Clube, a equipe do Mackenzie enfrentou o Dinos pela categoria Máster +35 e venceu por 80-46. O time do Méier mostrou muita força no jogo de low post e com boas infiltrações laterias, não teve dificuldades para abrir uma vantagem desde o inicio da partida. O destaque da partida foi o William Arriel com 25 pontos, 11 rebotes e 3 assistências.

Veja alguns lances.

Published in Master

ldj

No Sport Club Mackenzie, o time da casa enfrentou o LDJ e sofreu uma derrota por 65-54. Esse era o primeiro encontro entre as equipes após a semifinal do ano passado e toda a rivalidade gerada na última temporada, foi presente a cada jogada disputada em quadra. No final, o LDJ conseguiu um resultado positivo, assim como na temporada passada. O destaque foi o André Mattos com 15 pontos, 11 rebotes e 3 assistências.

Veja lances da partida e a entrevista com o André.

Published in Estadual

jec1

Na Arena de Deodoro, o time do Mackenzie encarou o Jequiá Iate Clube pela categoria Máster +35. Em uma das partidas mais aguardadas da categoria, valeu a pena toda a espera. As duas equipes se entregaram bastante e quem estava na Arena, viu os dois times se revezando a liderança no placar. No final, o time do Méier conseguiu segurar o ataque do Jequiá e venceu a partida por 59-56. O cestinha do Mackenzie foi o Anderson de Souza com 17 pontos.

Veja lances da partida e a entrevista com o Anderson.

Published in Master

sika

Em uma das partidas mais esperadas na Arena de Deodoro, foi o confronto entre o Jequiá Iate Clube contra o Sport Club Mackenzie pela categoria Máster +40.

O Jequiá é o atual campeão da categoria e entrou em quadra enfrentando uma das boas equipes dessa temporada.

Como o imaginado, o jogo foi muito disputado desde o início. As duas equipes exploravam bastante o jogo mais próximo a cesta e com um garrafão mais alto e tendo um bom pontuador de média distância como o Douglas Lorite, aos poucos vimos o time da Ilha do Governador abrir uma pequena vantagem.

Mesmo com o Lorite se destacado no início, as duas equipes conseguiram envolver praticamente todos os jogadores na pontuação. A partida em nenhum momento parecia definida para alguma das equipes, mas com o time do Jequiá aproveitando melhor as chances que apareciam no ataque e melhorando bem defensivamente no último quarto, a equipe conseguiu uma ótima vitória por 68-62. O grande destaque foi o Lorite com 19 pontos, 10 rebotes e 5 assistências.

Com essa vitória contra o Mackenzie, o Jequiá mostra que vem cada vez mais forte pelo bicampeonato da categoria.

Published in Master

3 rios

Na única partida do estadual em Deodoro, a equipe de 3 Rios conseguiu uma ótima vitória em cima do Mackenzie. A equipe comandada pelo Pipe, veio de derrota para o Kobras e conseguiu se recuperar contra o time do Méier. Se por um lado teve uma recuperação, por outros, o time do Mackenzie tem mais uma derrota no Estadual e ainda não mosrou a reação que todos esperam

O grande destaque do jogo foi o armador Guilherme Ferreira que terminou a partida com 17 pontos e 5 rebotes. No final, eu conversei com o treinador Pipe e ele falou sabre a importância dessa vitória.

Published in Estadual

qqqqqqq

Neste sábado na Arena de Deodoro, o time do Belford Underdogs enfrentou o Mackenzie pela categoria sub-18. No final, a equipe do Mackenzie venceu por 62-42.

O time do Underdogs fez a sua primeira partida em um palco olímpico e entrou em quadra na busca de conter os ataques da boa equipe do Mackenzie. Mesmo não fazendo um primeiro tempo acima da média, a equipe da baixada fluminense em nenhum momento deixava o adversário abrir uma vantagem inalcançável e mesmo oscilando, mostrava que poderia buscar o resultado.

A equipe contou com o bom desempenho do Pedro Paulo, que fez 10 pontos e pegou 9 rebotes. Mas mesmo o ataque conseguindo pontuar, o time teve um rendimento bem abaixo na segunda metade. Em que chegou a perder o quarto período por 26-15. Com o ataque não rendendo o esperado e a defesa sofrendo para reduzir os danos que o ataque do Mackenzie conseguia impor, o time aos poucos foi sucumbindo a pressão do adversário e quando a vantagem chegou ao dígito duplo, a equipe não conseguiu buscar uma reação.

Pelo lado do Mackenzie, o time do Méier foi inconsistente na primeira etapa, mas quando conseguiu impor o seu ritmo no segundo tempo, não teve dificuldades de abrir uma ótima vantagem no marcador. Liderado pelo Alan Madureira (29 pontos, 10 rebotes, 3 assistências e 5 roubos de bola), a equipe conseguia espaçar bem a quadra e atacar com eficiência os espaços que apareciam.

No fim, a equipe do Mackenzie conquista uma vitória importante para a sequência do campeonato e o Underdogs agora pensa na próxima partida para buscar uma recuperação.

Published in Base
Página 1 de 3
Top