Segunda, 07 Agosto 2017 22:33

Niterói derruba invícto e dorme na segunda posição Featured

Written by

Neste domingo dia 06 de agosto, o ginásio La Salle em Niterói, foi palco de mais uma transmissão online de partidas da LSB em parceria com a TV live Esportes. A segunda partida do dia aconteceu entre o time da casa, Niterói Basquete Clube e o Municipal Basquete, até então invicto na competição.

As duas equipes já estavão classificadas para os playoffs, mas o time da casa precisava acabar com a invencibilidade do rival pra sonhar com o segundo lugar do grupo. Por outro lado ao Municipal bastava uma vitória, nos dois jogos finais (Niterói e Faculdade Gama e Souza), para fechar a fase de classificação em primeiro lugar.

niteroi philipe

O Jogo:

 

1º Período:

Antes do fim da primeira partida a Torcida do Niterói já havia invadido as arquibancadas, dando o tom da partida que mais esperada do dia.

No entanto, quando o jogo começou o Municipal esfriou os ânimos da torcida local. Aproveitando-se da manhã inspirada de Roger, o time comandado pelo treinador Gabriel Dutra abriu 7 x 2, obrigando os donos da casa a pedir tempo.

A medida fez efeito, porque depois do tempo o Niterói voltou em outro degrau em termos de intensidade.

A postura dos donos da casa voltou a inflamar a torcida, que viu o time imprimir uma corrida de 16 x 3 do sobre os adversários pra fechar o primeiro quarto vencendo  por 18 X 10.

 

2º Período:

O segundo período começou amarrado, com abas as equipes tendo dificuldade para pontuar.

No entanto, Daniel Batista outrora bem controlado pela defesa do Niterói, a essa altura já colocava as mangas de fora e fazia diferença para o Municipal.

Alternando bons arremessos e movimentação de bola, Daniel assumiu o comando da partida e ao lado de Roger, passou a ditar o ritmo da partida.

Do outro lado, coube a Bernardo e Philipe, assumirem a responsabilidade, e mesmo com jogadas esparsas, conseguiram pontuar e manterem o Niterói a frente do marcador antes de ir para o intervalo (31 x 25).

 

3º Período:

O segundo tempo começou como terminou o primeiro com os times duelando por cada espaço.

A disputa na quadra era extremamente bem administrada fora dela. com ambos os treinadores realizando intervenções sempre que necessárias.

Numa dessas Gabriel Dutra, tirou o estreante Pietro de quadra e promoveu o retorno de Somália. O Pivô do Municipal entrou pilhado e conseguiu estabelecer uma boa disputa com Philipe do Niterói que até então sobressaiu nas disputas por espaço no garrafão.

A entrada do jogador contagiou a equipe do Municipal que chegou a cortar a vantagem para apenas uma posse de bola.

Contudo, do outro lado o técnico Marcos Pereira promoveu a entrada de Mingau. O experiente jogador do Niterói deu outra cara a equipe. Com uma excelente leitura de jogo e arremessos certeiros, ele conseguiu igualar a partida e manter a vantagem para o último e derradeiro quarto.

 

4º Período:

Como não poderia deixar de ser o último período aconteceu sob uma atmosfera de extrema pressão. Cada posse de bola, cada disputa de espaço era disputada até o limite.

Inevitavelmente os ânimos de jogadores e técnicos se exaltaram e deram bastante trabalho para os árbitros controlarem a partida.

Apesar da pressão promovida pelo Municipal, o Niterói soube, muito graças ao Mingau, controlar a ansiedade e encontrar as cestas nos momentos cruciais pra fechar a partida em uma vitória que só se decidiu na última posse de bola.

Fim da invencibilidade do Municipal, que agora joga contra o Faculdade Gama e Souza Trovões para decidir se termina em primeiro (em caso de vitória, tem vantagem no confronto com o Kobras), ou se termina em terceiro (em caso de derrota tem desvantagem no confronto com o Niterói).

 

Destaques:

Philipe (Niterói): 16pts, 7reb, 1ass e 5rou;

Higor Simas (Niterói): 11pts, 9reb e 4ass;

Bernardo Spindola (Niterói): 10pts, 8reb, 1ass;

Daniel Batista (Municipal): 17pts, 2reb, 2ass e 3rou;

Rogger (Municipal): 19pts, 5reb, 6ass e 3rou;

Patrick Ferreira (Municipal): 4pts, 4reb, 3ass.

Read 386 times
Top