nict

Na última partida no Mackenzie, o Nictheroy Ballers enfrentou o Belford Uderdogs e venceu o jogo por 55-45. Mesmo oscilando boa parte da partida, o time do Nictheroy fez impressionantes 23-4 no último período e conseguiu uma ótima vitória. O destaque do jogo foi o Bruno da Silva com 21 pontos, 12 rebotes e 4 roubos de bola.

Veja lances da partida e a entrevista com o Bruno.

Published in Liga B

DSC 0354

Em um jogo muito disputado até o final, o Atlântico faz 14-6 no último período e consegue uma ótima vitória sobre o Belford Underdogs por 57-46. O destaque da partida ficou para o Wellinton, que terminou o jogo com 13 pontos, 7 rebotes e 3 roubos de bola. No final, conversamos com o Wellinton.

Published in Liga B

qqqqqqq

Neste sábado na Arena de Deodoro, o time do Belford Underdogs enfrentou o Mackenzie pela categoria sub-18. No final, a equipe do Mackenzie venceu por 62-42.

O time do Underdogs fez a sua primeira partida em um palco olímpico e entrou em quadra na busca de conter os ataques da boa equipe do Mackenzie. Mesmo não fazendo um primeiro tempo acima da média, a equipe da baixada fluminense em nenhum momento deixava o adversário abrir uma vantagem inalcançável e mesmo oscilando, mostrava que poderia buscar o resultado.

A equipe contou com o bom desempenho do Pedro Paulo, que fez 10 pontos e pegou 9 rebotes. Mas mesmo o ataque conseguindo pontuar, o time teve um rendimento bem abaixo na segunda metade. Em que chegou a perder o quarto período por 26-15. Com o ataque não rendendo o esperado e a defesa sofrendo para reduzir os danos que o ataque do Mackenzie conseguia impor, o time aos poucos foi sucumbindo a pressão do adversário e quando a vantagem chegou ao dígito duplo, a equipe não conseguiu buscar uma reação.

Pelo lado do Mackenzie, o time do Méier foi inconsistente na primeira etapa, mas quando conseguiu impor o seu ritmo no segundo tempo, não teve dificuldades de abrir uma ótima vantagem no marcador. Liderado pelo Alan Madureira (29 pontos, 10 rebotes, 3 assistências e 5 roubos de bola), a equipe conseguia espaçar bem a quadra e atacar com eficiência os espaços que apareciam.

No fim, a equipe do Mackenzie conquista uma vitória importante para a sequência do campeonato e o Underdogs agora pensa na próxima partida para buscar uma recuperação.

Published in Base
Segunda, 05 Março 2018 06:57

Em jogo duro, UERJ vence o Underdogs.

Neste domingo dia 4 de março de 2018, o Complexo Esportivo Miécimo da Silva abriu as portas do ginásio Zenny de Azevedo para receber a rodada de abertura da Liga Super Basketball.

O terceiro jogo do dia no Zenny de Azevedo aconteceu entre Basquete UERJ e Belford Underdogs.

 

uerj x underdogs

 

O jogo:

 

1º Período

Logo que a bola subiu o time da UERJ partiu pra cima abrindo 5 x 0 no marcador.

Contudo, o time comandado por Lucas Costa logo mostrou que não estava aqui pra brincadeiras. Com belos arremessos de Lucas, Pedro Henrique e Rodolfo, o time da baixada fluminense assumiu a dianteira e comandou as ações até o fim do quarto. Tendo vencido por 15 x 8.

 

2º Período

Na volta a quadra a equipe da UERJ tentou impor seu ritmo, mas ainda sob a batuta de Lucas Costa coube aos Underdogs administrarem o placar e se manterem à frente.

A situação mudou, quando a 4:20 do intervalo Lucas Costa foi para o banco e o time de Belford Roxo perdeu sua referência.

A equipe da UERJ reagiu e assumiu o controle do jogo aos poucos, igualando o placar na última posse de bola antes do soar da sineta.

 

3º Período

As duas equipes voltaram com tudo para o terceiro quarto. As duas bolas presas marcadas antes do fim do segundo minuto, dão a exata medida da disputa física a qual os atletas se dispuseram. Melhor para o UERJ que assumiu a dianteira do marcador.

No finzinho do quarto, o que estava bom pra UERJ, ficou ainda melhor. Dois bons contra ataques garantiram uma boa folga no marcador, antes do último período.

 

4º Período

O jogo que até então estava de excelente nível, mas passou por seu momento de declínio técnico na etapa final.

Ambas as equipes ficaram seis minutos sem encontrar o caminho da cesta, se revezando no cometimento de erros.

Contudo pouco mais de três minutos para o fim  coube a UERJ converter uma bola de três, aproveitando-se do fato de alguns jogadores do underdogs desistiram da jogada, o que praticamente definiu o resultado da partida.

Final de jogo Basquete UERJ 46 x 35 Belford Underdogs.

 

Destaques:

Ian Pimentel (UERJ): 8pts, 4reb, 3ass e 15 eficiência;

Leonardo Marques (UERJ): 10pts, 9reb, 3ass e 12 eficiência;

Aurélio Ricardo (Underdogs):  5pys, 7reb, 3ass e 13 eficiência.

Published in Liga B
Top