Botafogo edited

No Sport Club Mackenzie, a equipe da casa enfrentou o time do Botafogo na categoria sub-16 e acabou perdendo por 77-55 no fim. O grande destaque do jogo, foi o ala Igor Roberto do Botafogo. Ele terminou a partida com 20 pontos e 5 roubos de bola.

Veja algumas partidas e no final eu falei com o treinador Bruno Peri sobre vitória do seu time.

qqqqqqq

Neste sábado na Arena de Deodoro, o time do Belford Underdogs enfrentou o Mackenzie pela categoria sub-18. No final, a equipe do Mackenzie venceu por 62-42.

O time do Underdogs fez a sua primeira partida em um palco olímpico e entrou em quadra na busca de conter os ataques da boa equipe do Mackenzie. Mesmo não fazendo um primeiro tempo acima da média, a equipe da baixada fluminense em nenhum momento deixava o adversário abrir uma vantagem inalcançável e mesmo oscilando, mostrava que poderia buscar o resultado.

A equipe contou com o bom desempenho do Pedro Paulo, que fez 10 pontos e pegou 9 rebotes. Mas mesmo o ataque conseguindo pontuar, o time teve um rendimento bem abaixo na segunda metade. Em que chegou a perder o quarto período por 26-15. Com o ataque não rendendo o esperado e a defesa sofrendo para reduzir os danos que o ataque do Mackenzie conseguia impor, o time aos poucos foi sucumbindo a pressão do adversário e quando a vantagem chegou ao dígito duplo, a equipe não conseguiu buscar uma reação.

Pelo lado do Mackenzie, o time do Méier foi inconsistente na primeira etapa, mas quando conseguiu impor o seu ritmo no segundo tempo, não teve dificuldades de abrir uma ótima vantagem no marcador. Liderado pelo Alan Madureira (29 pontos, 10 rebotes, 3 assistências e 5 roubos de bola), a equipe conseguia espaçar bem a quadra e atacar com eficiência os espaços que apareciam.

No fim, a equipe do Mackenzie conquista uma vitória importante para a sequência do campeonato e o Underdogs agora pensa na próxima partida para buscar uma recuperação.

P1040787 edited

Neste sábado na Arena de Deodoro, o Jacarepaguá Tênis Clube enfrentou a equipe do Botafogo pela categoria sub-16. No final, o time de General Severiano venceu a partida por 82-27.

Em um dos confrontos aguardados dessa temporada regular, a boa equipe comandada pelo Jorge “Pupa”, enfrentou o sempre poderoso Botafogo que é comandado pelo Bruno Peri.

O time do JTC que tem como filosofia, ser um time organizado e que preza pela troca de passes. Sofreu desde o inicio com a imposição física do seu adversário. Mesmo a equipe tentando trabalhar com calma no ataque, o time sofria transições “mortais” do Botafogo. Quando não era as transições, a equipe do Botafogo explorava bem a sua força física, para fazer infiltrações na defesa do time de Jacarepaguá.

Com o decorrer da partida, ficou claro que o time do Pupa não conseguiria reverter a vantagem que já fora imposta logo no inicio e a equipe botafoguense soube bem administrar o tempo e o placar até consolidar a sua ótima vitória.

O grande destaque da partida foi o botafoguense Gabriel Marques com 19 pontos e 6 rebotes.

P1040794 edited

Neste sábado na Arena de Deodoro, o time do Club Municipal enfrentou a equipe do Athletic Meriti pela categoria sub-18. No final, o time tijucano venceu bem o Meriti por 85-52.

A equipe de Meriti que vinha de uma importante vitória sobre o Rappers na estreia da categoria na Arena Carioca 1, enfrentou em mais um palco olímpico, o bom time do Municipal. O time comandado pelo Robson, mostrou algumas dificuldades desde o inicio para a criação de jogadas e na compactação defensiva. O Akeshi Cathaldo (8 pontos e 5 rebotes) que foi um dos grandes destaques na partida que teve a transmissão, foi bem apagado pela defesa adversária, que não deu liberdade para que ele pudesse fazer infiltrações laterais.

Pelo lado do time do Municipal, a equipe mostrou boa rotação ofensiva, paciência para trabalhar no ataque e soube aproveitar bem os espaços defensivos que apareciam. Liderado pelo point guard Lucas Aquino (26 pontos e 4 rebotes), o time conseguia variar bem as ferramentas ofensivas. Além do ataque render bem, o time conseguiu forçar 24 erros da equipe do Meriti e com o passar do tempo, o time conseguiu abrir uma vantagem que nunca mais foi alcançada.

P1040704 edited

Neste sábado na Arena de Deodoro, o Club Municipal enfrentou a equipe do Botafogo pela categoria sub-14. No final, o time de General Severiano venceu a partida por 69-34.

A partida começou com as duas equipes se estudando bastante. Nenhum dos dois times mostravam que cederiam a liderança no placar. Mas no segundo quarto, o time tijucano errou bastante e começou a deixar espaços que não apareceram no primeiro quarto. Com isso, o time do Botafogo conseguiu vencer o quarto por 14-6 e foi para o intervalo com uma boa vantagem.

Na volta do intervalo, os dois times começando errando bastante. Mas foi nesse momento que o trabalho no garrafão e de segunda unidade, começou a pesar a favor do time botafoguense. A equipe da estrela solitária explorou bem os pontos mais próximos da cesta e foi dominante debaixo do aro. A equipe fez 52 pontos, contra 22 do Municipal no low post e viu os seus jogadores do banco de reservas se saindo muito bem e ajudando com 35 pontos.

No final, o Gustavo Carvalho foi o grande destaque da vitória do Botafogo com 16 pontos e 15 rebotes.

P1040753 edited

Neste sábado, o Jacarepaguá Tênis Clube enfrentou o Iguaçu Basquete Clube pela categoria sub-18 na Arena de Deodoro e no final o time o JTC venceu por 51-41.

A partida começou com as duas equipes tentando desde o início, buscar as jogadas de infiltração e de transição. Os times estavam muito ansiosos para as definições no ataque e cometeram muitos turnovers no primeiro tempo de jogo.

Mas desde o começo, vimos o time do JTC mais arrumado e selecionando melhor os arremessos. O time comandado pelo Pupa, mostrou mais organização tática nos dois lados da quadra e isso facilitou que o time conseguir uma boa vantagem desde o início.

Pelo lado do IBC, a equipe mesmo tentando compactar melhor a sua defesa, pecava nas finalizações. O time tentava espaçar a quadra, mas as jogadas acabavam sempre nas infiltrações centrais. O time não mostrava rotação ofensiva e aos poucos a desvantagem que ia aumentando, ficou inalcançável.

No final, o time do JTC foi mais consistente e conseguiu segurar o resultado positivo. O destaque da equipe foi o Matheus Nunes e terminou com 15 pontos e 11 rebotes.

IMG 5397

Na primeira partida do dia histórico para a Liga Super Basketball (LSB) e para todos os envolvidos, tivemos o confronto entre o Athletic Meriti contra o Rappers Basketball pela categoria sub-18. Com um grande desempenho do Akeshi, Athletic Meriti venceu o Rappers por 74-19.

A partida marcava a estreia do Meriti na LSB. A equipe montada pelo Robson Nascimento, jogou pela primeira vez na Liga e nada melhor do que estrear em um palco olímpico. Pelo lado do Rappers, o time comandado pelo Flávio Marins entrou em quadra buscando começar o campeonato com o pé direito. Já que o time não tinha conseguindo vencer na temporada passada. Antes da partida começar, Flávio já tinha falado que a meta esse ano é conseguir pelo menos duas vitórias.

O jogo começou com os dois times muito nervosos em quadra, nada fora do normal se tratando de jovens jogadores atuando na Arena Carioca 1. As equipes selecionavam mal os arremessos, mas o Athletic Meriti achou uma forma mais eficiente para pontuar. A equipe apostou nas infiltrações. Foi nesse momento que começaríamos a ver belas jogadas do Akeshi (29 pontos, 9 rebotes, 4 assistências e 12 roubos de bola) pela a equipe. Ele usou bem a força física e habilidade, para infiltrar no garrafão do Rappers e conseguir colocar uma boa vantagem no placar. A equipe do Meriti também teve ajuda do Paulo Henrique (19 pontos) no ataque. Quando o time conseguiu imprimir o seu jogo, não foi mais alcançado.

Pelo lado do Rappers, a equipe até tentou conter o ritmo imposto pelo adversário. Mas com a defesa deixando espaços e o ataque não rendendo, foi difícil voltar para a partida depois da desvantagem sofrida.

26230772 1616604195028959 5734467547194298713 n

No primeiro jogo da transmissão desta segunda-feira na Arena Carioca 1, teremos o confronto entre Athletic Meriti e Rappers Basketball.

28377695 1669227239766654 4658249091682063294 n

O confronto marca a primeira partida entre as duas equipes na história da Liga Super Basketball (LSB), já que o Athletic estreia nesse ano. A partida será válida pela categoria sub-18.

Os dois times são oriundos de projetos sociais na Baixada Fluminense e vão entrar em quadra para mostrar a evolução de suas equipes. O time do Rappers que participou na temporada passada na categoria, chega esse ano querendo melhorar o seu desempenho. A equipe não venceu no seu grupo, mas com mais experiência do que o ano passado, o time pode sim dar muito trabalho esse ano.

Vale ressaltar, que muitos desses garotos podem ser aproveitados nos times da Liga B e por curiosidade, as equipes estão no mesmo grupo na série de acesso ao Estadual Amador.

Então, vale muito a pena ver a juventude em quadra. Você confere a partida pelo Facebook e pelo YouTube às 16:00.

Nesse sábado (02/12), o Botafogo jogou em casa contra o Jequiá Iate Clube e venceu a partida válida pela final o sub-14 por 74-32.

A vitória foi o suficiente para a equipe conquistar o título da categoria sub-14. O destaque da partida foi o Augusto Kath, com 15 pontos e 5 rebotes.

O time da estrela solitária, dominou toda a partida e manteve um ritmo intenso até o final. A equipe venceu todos os quartos.

O time do Jequiá foi valente nas duas partidas, mas a entrega física do time do Botafogo foi superior nas duas partidas e isso facilitou essa final.

Vale ressaltar, que o Jequiá fez um campeonato fantástico e mostrou uma enorme evolução na reta final do campeonato.

A equipe da Ilha do Governador, mostra que vai dar muito trabalho na próxima temporada.

Parabéns ao Botafogo!!

Neste domingo dia 26 de novembro de 2017, o Complexo Esportivo Miécimo da Silva, abriu as portas do Ginásio Zennny de Azevedo (justa homenagem ao lendário Algodão), para receber mais uma rodada da Liga Super Basketball.

A última partida do dia aconteceu entre o jacarepaguá Tênis Clube e o Usina Comunitária/Santa Cruz, válida pela categoria Sub 18.

jtc x usina 18

O Jogo:

O forte calor do ginásio não pareceu empecilho para que a garotada, que iniciou o duelo a 200 km por hora. Neste ritmo o JTC comandado por nomes experientes com Logan Procópio e Victor da Veiga rapidamente assumiu a dianteira no placar.

Apesar de bem organizado o time da Usina Comunitária, não parecia contar com armas suficientes para conter o adversário, claramente mais experiente e maduro.

A maior dificuldade do time da Usina. residia no garrafão adversário. Muito embora, concentrasse a maior parte de seus ataques na área pintada, o time de Santa Cruz encontrou muita dificuldade dentro do garrafão adversário, o que reduziu o percentual de acerto de seus arremessos.

Na volta para o segundo tempo o Usina trouxe pra quadra uma mudança de postura defensiva, que até melhorou sua produção ofensiva, adotando um jogo de transição que gerou certo desconforto ao adversário.

Contudo, alguns pequenos erros técnico e de concentração acabou frustrando a reação que foi  facilmente contida pelo adversário, que por sua vez, não fez muito mais que manter o cuidado com a bola e se manter agredindo a cesta para continuar na liderança do placar.

Em um jogo que o JTC pôde estabelecer seu domínio desde as primeiras posses de bola, pudemos aproveitar pra ver alguns atletas com maior atenção.

E sem sombra de dúvidas Pedro Henrique e Dayvid se destacaram dos demais. talvez não fosse necessário esclarecer, mas por via das dúvida é sempre bom deixar claro que Victor da Veiga e principalmente Logan Procópio, que ja vem aprontado entre os principais nomes do basquete do Rio de Janeiro no Campeonato Estadual Amador, não foram considerados neste aspecto.

Com tudo isso acredito que o Pedro Henrique, pelo bom domínio de fundamentos e Dayvid,  pelo potencial físico podem evoluir bastante e ganhar espaço em um futuro próximo.

 

Destaques:

Logan Procópio (JTC): 15pts, 11reb, 7ass e 1rou;

Deyvid de Carvalho (JTC): 10pts, 6reb, 1ass e 1toc;

Luan Obermuller (JTC): 3pts, 10reb e 3ass.

Página 1 de 2
Top