IMG 20180811 162554788

No último sábado na Vila Olímpica Mesquita, o RJ Sharks enfrentou o F2BM e conseguiu uma importante vitória por 61-43.

O confronto entre as duas equipes do Grupo A, tinha um peso muito grande para as duas equipes. O Sharks buscava se manter perto dos líderes e o F2BM tentava subir na tabela.

O jogo começou com as duas equipes mostrando um certo nervosismo para concluir as jogadas. O RJ Sharks trabalhava melhor a bola no ataque na primeira metade do jogo e apostava na rotação ofensiva para criar espaços para os seus arremessos e aos poucos, o time foi conseguindo impor o seu ritmo de jogo.

O F2BM conseguia criar jogadas, mas pecava na sua finalização e com um time apostando em um jogo de transição ofensiva rápida, a desvantagem no placar só aumentava.

A partida foi se desenvolvendo a favor do RJ Sharks aos poucos e o F2BM não mostrava reação em quadra para conseguir uma virada. O Sharks errava menos no ataque e conseguia trabalhar com calma no ataque e isso foi o fator principal para que o time conseguisse sair de Mesquita com a vitória.

O destaque do jogo foi o Victor Hugo com 19 pontos e 20 rebotes.

Published in Liga B

Sem título

Na partida válida pela Liga B no Sport Club Mackenzie, o time do ABA/Campos enfrentou o RJ Sharks. No final, o time do ABA venceu por 55-38.

A partida começou com as duas equipes brigando para quem conseguia impor o seu ritmo. O time de Campos aos poucos foi mostrando que conseguiria controlar o jogo se usasse o seu trabalho no low post, principalmente com o Diogo Avelino (17 pontos e 8 rebotes).

As jogadas do ABA não precisavam muito de uma rotação ofensiva intensa, mas somente com uma sequência de três movimentações, já era suficiente para a equipe conseguir encontrar espaços defensivos do Sharks. Esse trabalho aliado a uma boa eficiência no ataque e erros de passes do adversário, fez com que o time controlasse todo o jogo, chegando a equipe fazer 21-9 no último período.

O Sharks mostrou muita dificuldade me construir uma sequência de jogadas. O time pecava nos passes curtos e a transição defesa-ataque, não eram rápidos o suficiente para pegar a defesa adversária vulnerável. Mesmo o Eduardo Camacho (13 pontos) sendo o cestinha do time, a equipe não conseguiu evitar a derrota para o ABA/Campos.

Published in Liga B
Top